Depoimentos

Em comemoração aos 20 anos de atividades estão publicados aqui alguns depoimentos de alunos, ex alunos, professores, atores, atrizes, diretores que passaram pela E.N.T.  Confira:

IMARA REIS - Atriz e Diretora

15É bastante difícil falar de minha relação com a Escola e com a Andrea sem ser um pouco fatalista.  Ou não.  Tenho dúvidas se nosso encontro  “estava escrito nas estrelas” ou se foi a determinação que ela tem em seguir os caminhos em que acredita que nos aproximou.

Há indícios que podem me levar às duas possibilidades.

Eu estava gravando Chiquititas em Buenos Aires  e, como todos do elenco, recebia muitas cartas.  Por conta do ritmo das gravações era impossível respondê-las.  Minha irmã, Ignez mandava uma foto, essa sim, autografada de verdade, para todos os remetentes. Embora eu não respondesse de próprio punho eu as lia. Quando terminou minha participação lá, escolhi 5 para trazer comigo.

Dentre elas havia uma cuja letra, o assunto, a forma, a maneira de pensar e a correção se destacava das outras. Um dia, já em São Paulo, passeando no Google, dou de cara com uma página, blog, não lembro o que nome tinha na época, com uma foto minha e meu currículo.  Entrei em contato e era ela, Andrea,  a autora da carta e da façanha .  Coincidência? Acaso?  Estava combinado já por um roteirista mágico?

Aos poucos fomos nos aproximando via Internet e por meio da vida. Tenho acompanhado o crescimento dela como pessoa e como conhecimento. Quer dizer, temos acompanhado os nossos crescimentos.

Compartilhamos dúvidas, descobertas, apreensões, convicções etc…  E, saibam, somos totalmente diferentes.  A Andrea é programática, organizada, organizadora e cheia de planos.

Eu sou a rainha do insight,  do inesperado, do “deixa a vida me levar vida leva eu”.  Mas não há um mínimo de ação da parte dela que eu não admire e não confie.  E assim como a Escola faz vinte anos esse ano e eu estou – finalmente conseguimos !- , dirigindo um espetáculo para eles  , ela sendo minha diretora assistente, eu, em meu coração, tenho um desejo, uma convicção de que  a ENT crescerá muito e constantemente.  E sempre cuidadosa  com o rigor e com a qualidade. Com excelência. Pois nisso, quando olho para a Andrea, reconheço-me  numa certa obsessão por carecer de sentido, verdade e entusiasmo naquilo que faz.  Imagino que esse seja nosso grande ponto em comum.  Além do imenso afeto, claro.

Ps: como nada nem ninguém é perfeito:  ela gosta de mandioquinha, batata barôa…. essa coisa esquisita da natureza

RENATO SCRIPILLITI - Cenógrafo e Figurinista

renato--scripillitiO objetivo maior de um professor é fazer com que os alunos possam tirar proveito de tudo aquilo   que está sendo ensinado.

O Renato foi meu aluno de Cenografia e Figurino em 1992, participou também em oficinas  culturais, sempre mostrando um grande interesse na área do teatro. Seu caráter e a sua dedicação na adversidade fez com que eu o convidasse a ser um dos meus assistentes em vários espetáculos teatrais. A sua coragem e autossuficiência deu à cidade de Santo André uma das melhores escolas de formação teatral em São Paulo.

Fico bastante orgulhoso de ter participado um pouco deste grande sucesso.

Parabéns ao grande amigo!

GIUSEPPE ORISTANIO - Ator

Ensinar sempre foi uma tarefa das mais nobres. Lidar com pessoas ávidas por conhecimento, administrar as necessidades e os sonhos de tanta gente, tentar mostrar que os caminhos do conhecimento sempre serão os mais seguros e produtivos é tarefa para obstinados.

giuseppe-oristanioDurante toda a minha experiência na ENT pude – muito mais do que ensinar – pude aprender muito sobre amor à missão de fazer da arte de representar uma disciplina respeitada. Acompanhei o cotidiano da escola,  presenciei a batalha diária para fazer com que o espaço físico da escola fosse cada dia mais apropriado à prática teatral. Vivenciei montagens teatrais  e a paixão geral que o fazer teatral provocou nos alunos e em todo mundo envolvido nessas experiências.

Resistir durante 20 anos só nos mostra que o caminho é mesmo esse.

Assim como qualquer outra tarefa levada a sério, nada se resolve em uma semana.

Fazer teatro é um exercício diário e paciente. E é tarefa para anos.

E que bom que existem lugares como a ENT, que está sempre de portas abertas para receber a turma que ama o teatro e que deseja exercitar esse amor.

Esses 20 anos de multiplicarão para o bem da cultura e da atividade teatral.

E eu estarei,  de perto ou de longe, trabalhando e torcendo pela ENT.

E que bom que existem lugares como a ENT, que está sempre de portas abertas para receber a turma que ama o teatro e que deseja exercitar esse amor.

Esses 20 anos de multiplicarão para o bem da cultura e da atividade teatral.

E eu estarei,  de perto ou de longe, trabalhando e torcendo pela ENT.

TATIANE STEFFANI (formou-se atriz no Curso de Formação de Atores da E.N.T)

tati-sA E.N.T. significou e significa muita coisa pra mim, foi o lugar onde me podaram, me moldaram, lapidaram e acrescentaram. Foi onde eu vivi os 10 anos mais compensadores. Este lugar, esta equipe, melhor dizendo, esta família, acreditou e dedicou seu tempo (extra, inclusive) a mim e a cada elenco alí, me desenvolveu como atriz, como artista, como crítica, espectadora e como pessoa. A magia alí é constante e interminável.

E nesses vinte anos de amadurecimento de algo tão bom eu só queria deixar registrado o quanto me orgulho em fazer parte dessa história, e dizer que jamais poderia descrever a gratidão e o respeito que tenho por vocês.

Feliz aniversário!

Tatiane Steffani

LEOPOLDO PACHECO (Ator, diretor, cenógrafo e figurinista)

leopoldo--pachecoVinte anos de dedicação ao teatro, perseverança, amor, transformação, cidadania, o que podemos semear nas pessoas que tem interesse em TEATRO continuaremos lutando para conseguir. Que a Escola Nacional de Teatro tenha uma longa vida!

Parabéns

Com orgulho

Leopoldo Pacheco

DAVI AUGUSTO ( Concluiu o Curso de Desinibição e Comunicação na E.N.T em 2012)

daviaugustoLembro-me, com absoluta clareza, do primeiro dia do curso de Desinibição e Comunicação. Estava aflito. O coração estava uma pilha de nervos, prestes a explodir de tanta sofreguidão. Quinze pessoas completamente distintas dentro de um mesmo espaço. Havia pessoas de todos os tipos: altas, baixas, morenas, loiras, orientais e… tímidas. A timidez era o algo em comum. Todos almejavam liberdade de expressão e aceitação por parte dos “estranhos”.
Sabíamos que essa conquista não seria fácil. Mas, uma pessoa discordava veementemente de nós: a professora Gabriela. Naquele dia, ela promoveu um jogo de interação em que todos deveriam se apresentar e conhecer algumas peculiaridades dos outros. Deu certo! A partir daí, ninguém quis saber de isolamento, medo ou infelicidade. Todos queriam improvisar, colocar a criatividade para funcionar, elaborar propostas teatrais e por aí vai.
O curso prioriza a sua essência, pois é nela que reside toda e qualquer possibilidade de vitória. Por meio da arte teatral, conseguimos dar voz aos nossos pensamentos e agir de forma condizente com aquilo que acreditamos. Depois de ter permanecido seis meses naquele espaço de transformação, a minha vida tornou-se mais entusiasmante, porque agora sei que tudo é favorável, quando se quer, verdadeiramente, tudo

Davi Augusto

RENATO MODESTO (Ator, dramaturgo e roteirista)

Conheci a E.N.T – Escola Nacional de Teatro – quando fui convidado, em 2011, para fazer uma palestra ali sobre minha experiencia profissional como ator, dramaturgo e roteirista.

renato-modestoFiquei emocionado com o interesse e receptividade dos alunos. Conversando com eles, relembrei meus tempos de estudante e revisitei meus sonhos e inseguranças nas etapas iniciais da carreira.

Nesse momento de formação, tive a felicidade de encontrar a orientação de profissionais experientes, mestres que me indicaram caminhos de crescimento como artista e que me ensinaram o valor do trabalho em equipe

Fiquei feliz ao ver que a E.N.T propicia aos seus alunos esse mesmo tipo de apoio e incentivo, com professores competentes e uma filosofia que incentiva a união, o trabalho em grupo e o equilibrio entre teoria e prática.

Parabéns e vida longa à Escola

Abraços,

Renato Modesto

Zecarlos Machado (ator)

zecarlos--machadoTô aqui pensando. Me vejo há quarenta anos atrás, aí no ABC, mais especificamente na Fundação de Artes de S.Caetano do Sul, tendo minhas primeiras aulas sobre o que seria a razão de minha vida profissional até os dias de hoje: o teatro. Me comovo e agradeço aos Deuses a benção por ser colocado nesta estrada. De aprendizado, de luta, de encontros, de superações . Exercício de Vida. Nobre. Lúdico e responsável. Com o teatro creio que cresci como ser humano. Num mundo tão multifacetado, o Teatro ainda é o Templo . Seres humanos comungam, compartilham . Vibração epidérmica. Olho no olho  TEMPLO. Exigente. Infinito. E quando ano passado estive aí na Escola Nacional de Teatro, vi nos olhos de tantos jovens o meu olhar há quarenta anos atrás. E agradeci . Viva o Teatro. Viva a Escola Nacional de Teatro. Parabéns . Vida longa.

Zecarlos Machado

MARÍLIA NUNES (Ex aluna do Curso Técnico em Arte Dramática na E.N.T)

MariliaTeatro é uma arte bela de ser vista. Mas me atrevo a dizer que fazer teatro é ainda mais belo, é algo indescritível que só quem já pisou em um palco e sentiu sua energia se assim posso dizer, sabe do que estou falando. Estudo teatro por amor as artes, e é com este mesmo amor, esta mesma energia que se tem no teatro, que a E.N.T nos coloca no palco. A forma de ensino, a clareza, o vínculo que a escola cria com o aluno vai muito além dos padrões, o que faz com que nós alunos nos sintamos acolhidos. Ser ator, ser atriz, não é algo simples como imaginamos, não basta fazer um curso e de repente, do dia pra noite você já esta em uma Cia. conhecida, ou em uma rede de televisão famosa, ser ator é um caminhar constante, é preciso muito estudo, não apenas estudo da historia do teatro, me refiro também a muito estudo de si mesmo. A arte de atuar vai além dos palcos, além do abrir e fechar das cortinas… a arte de atuar é algo inenarrável e não há nada que substitua a sensação de ser alguém que você não é sem perder sua própria essência. Quando me refiro à escola E.N.T., me refiro ao mesmo tempo individualmente a cada profissional da escola, todos são muito transparentes no que ensinam, verdadeiros quando o assunto é a vida de ator e firmes quanto a disciplina. A transparência, a verdade e a firmeza é o que eu acredito que faça com que a escola esteja sempre crescendo e formando sempre grandes atores e atrizes.

Marília Nunes

PAULO DE ALMEIDA (ator e produtor teatral)

PAULODEALMEIDAÉ um grande Prazer escrever neste espaço, sabendo que meu amigo Renato conseguiu percorrer esses 20 anos com muita luta e dedicação e ver que a E.N.T cada dia ganha mais espaço no “cenário” das artes. Fazer uma peça é difícil, imagino manter uma escola de teatro. A todos profissionais que estão ou que já passaram pela escola tem a sua contribuição e claro que como uma peça, se não houver esse comprometimento de todos nada aconteceria. Só desejo pelo menos mais 20 anos e a cada dia a Escola crescendo. Um grande abraço,

Paulo de Almeida

JIL MENDES (iniciou na E.N.T no Curso de Desinibição e Comunicação, seguindo pelo Curso de Preparação de Atores e formando-se no curso profissionalizante)

jilMeus queridos Amigos Renato Jacob e Andrea Weber.

A importância da Escola nacional de Teatro na minha vida, pode ser percebida de forma sútil e silenciosa, mas também pode ser observada por mim e pelas pessoas que me cercam, através das atitudes concretas.

Percebo que posso sentir mais prazer e me divertir com coisas que antes não tinham nenhuma importância para mim.

Parece que sinto melhor o cheiro, que posso ver melhor as cores e a qualidade dos meus sentimentos.

A ENT também foi para mim como uma terapia, pois tinha muito medo de falar em público e muitas dificuldades, com a ajuda de todos consegui me superar.

Até hoje minha mente se acalma quando me lembro da voz dos meus Mestres queridos que estarão sempre no meu coração,

Acredito que o sucesso de vinte anos da Escola se deve ao fato dos professores fazerem  o que gostam e de forma amorosa e respeitosa.

Eles conseguem nos fazer acreditar que qualquer um pode fazer teatro e assim atingindo os nossos corações, vão nos conquistando e nos permitindo revelar o que há de melhor em nós.

Lembro-me bem o primeiro dia de aula, senti calafrios e insegurança tive o carinho de todos e hoje percebo  o quanto caminhei e o quanto me encontrei, pude reencontrar minha criança interior. a adolescente, a adulta e até a velha que um dia serei.

Foi mágica esta viagem durante os três anos que passei na Escola Nacional de Teatro, Chorei, sorri e fiz muitos Amigos que jamais esquecerei.

Fazer o curso abriu o meu espirito e meu corpo a novas sensações e novas emoções,  consegui me libertar.

Por isso que digo, enquanto houver em mim, sangue, suor, vontade de viver, sonhos e sentimentos estarei buscando cada vez mais me aperfeiçoar e estar cada vez mais sendo eu mesma na pele de personagens diferentes.

Parabéns a todos os Professores e alunos que fazem parte dessa Família!!!!

Sucesso e Realizações!!!

Contem sempre comigo!!

Jil Mendes

WILL DAMAS (ator, diretor, professor, iluminador)

Vinte anos, sonhos concretizados. Um aluno aplicado e com objetivos Will-Damasmuito claros, vem até mim, com a preocupação natural de quem quer fazer o melhor e pergunta:
Acha que sou capaz de fazer este personagem?
Sim, respondo. E vai fazer muito bem! Fez. Fez mais, formou-se como ator e com o firme propósito de levar pra sua cidade a possibilidade de que outros tivessem a oportunidade de, sériamente, aprender essa profissão tão difícil, que muitas vezes confunde-se com a vontade de ser visto e reconhecido somente por isto. Vinte anos, lutando e mantendo de modo profissional uma escola que oportuniza jovens atores a experimenciarem o papel de artista na função de ator, esse ser que tem por função “precipitar o futuro”, abrilhantar os palcos, despertar consciências, transformar sociedades e questionar comportamentos. Parabéns, Renato! Pela sua garra. Que muitos mais vinte anos te acompanhem nessa trajetória difícil, mas tremendamente prazeirosa que é fazer “arte” da melhor qualidade possível! Grande beijo!

Will Damas